Blog

Voltar

Treino funcional: o que é e quais os benefícios

Novo queridinho dos endorfinados, o treino funcional (TF) está cada vez mais ganhando espaço dentro e fora das academias. Composto por uma série de exercícios que funcionam de forma abrangente, é perfeito para quem busca perder peso, melhorar o condicionamento físico e até mesmo amenizar dores.

Lembrando que a realização de atividades físicas precisam sempre ser auxiliadas por um profissional especialista, pois podem causar graves ferimentos. O treinamento físico funcional permite exercícios dentro de espaços fechados (como estúdios de crossfit e academias), em casa ou ao ar livre. O resultado é um corpo forte, ágil e resistente. Continue a leitura para entender benefícios e descobrir dicas de como praticar na sua casa.



O que é treino funcional?

Responsável por exercitar o corpo como um todo e não apenas regiões localizadas, o treino funcional mescla diversos movimentos naturais que fazemos todos os dias – como agachar, correr, empurrar, entre outros – para fortalecer os músculos de forma integrada. Com essa série de repetições, são desenvolvidos equilíbrio, força, coordenação e flexibilidade.

O foco principal deste tipo de treino é a tonificação dos grupos musculares, mas, além disso, por ser realizado de forma muito intensa e dinâmica e funciona como grande catalisador da perda de peso. Outras vantagens que os praticantes desses exercícios desenvolvem são alívio do estresse e de ansiedade, melhora da postura e aceleração do metabolismo.  

Seja treino funcional ao ar livre ou dentro das academias, o resultado é certo. O único porém é que para os iniciantes à prática, se aconselha a realizar os exercícios dentro de espaços com profissionais de educação física antes de realizarem sozinhos.  


Restrições à prática 

Um – e talvez o maior – objetivo do treino funcional é fortalecer o coração, o órgão central e principal músculo do corpo. Por essa razão, os exercícios exigem muito de todo o nosso sistema e – reforçamos novamente – precisam ser acompanhados por profissionais de educação física.

Fora isso, não há nenhum tipo de restrição, podendo ser praticado inclusive por mulheres grávidas e idosos, pois os exercícios são repetições naturais que fazemos todos os dias e porque ajudam a controlar os movimentos.

Porém é importante alertar: identifique qual o seu nível de performance. Comece com o treino funcional para iniciantes e não vá além do que seu corpo permite para que os exercícios não gerem consequências desagradáveis.

Depois de adquirida experiências, vá avançando, fazendo movimentos mais exigentes, converse com o profissional que está te auxiliando e cogite em alinhar treinamento funcional e musculação juntos.


Benefícios

Por trabalhar diversos grupos musculares de forma integrada, o TF oferece muitos benefícios aos praticantes, desde física (como treino funcional para perder barriga) até psicológica (como a redução de estresse). Toda a energia gasta nos exercícios e movimentos ativa partes do nosso corpo resultando em mais saúde e disposição.

 

Dinamismo

O treinamento funcional é muito dinâmico e diversificado. Geralmente, não se segue uma ficha de treino, como no caso da musculação. Isso faz com que todo o ato de se exercitar fique mais divertido e menos enjoativo, o que é uma vantagem para quem não é muito fã de atividades físicas.


Trabalho cardiorrespiratório

Por ser um treino de grande intensidade que funciona de uma forma dinâmica e veloz, o método funcional, também trabalha muito o sistema cardiorrespiratório. Funciona assim: você faz os movimento de forma ágil, subindo e descendo repetidas vezes. Logo, depois fica em posição de prancha por muitos segundos. Repita de novo. Tudo isso faz com que seus batimentos cardíacos disparem. Com mais circulação de sangue, mais rápido seu organismo vai se ajustando.

É preciso, nesse caso, ficar atento para o treino funcional para obesos, que deve ser específico para esse público, assim como para os iniciantes da prática. Os exercícios aeróbicos e de força precisam ser ajustados de forma gradativa para não sobrecarregar o sistema cardiorrespiratório e trazer uma série de prejuízos ao invés de vantagens.


Fortalecimento muscular

Um dos grandes atrativos que vem conquistando cada vez mais adeptos ao treino funcional é a definição e fortalecimento dos músculos do corpo. Sabe aquela velha história de “hoje vou treinar perna e amanhã braço”? Esquece. No funcional você treina as pernas e os braços em um mesmo exercício.



O treino funcional para ganhar massa muscular feminino é o novo queridinho das endorfinadas.

Se compararmos, por exemplo, a musculação e o treino funcional, é possível entender que o segundo tipo de exercício ativa muito mais as fibras musculares, ou seja, podemos ver resultados muito mais rápidos.

Além disso, por gastar cerca de 800 calorias por prática, é certo que o treino funcional emagrece, mas atente-se: apenas a atividade física sozinha não basta. Para ter um resultado satisfatório e a longo prazo, é preciso ter o equilíbrio com a alimentação e hábitos saudáveis.


Melhora postural

É comum que, devido a forma com que sentamos, nossa coluna fique curvada e dolorida. Se no final do expediente você não aguenta de dores nas costas, sabe do que estamos falando. Uma das soluções para esse problema é o treino funcional. Devido ao fortalecimento dos músculos das costas, os exercícios ajudam a alinhar a coluna e também desenvolvem a famosa consciência corporal.

Além disso, com o fortalecimento da região chamada de core, que corresponde a lombar, pelve e quadril, o corpo de uma forma geral é estabilizado e a sustentação se torna mais fácil fazendo com que as dores desapareçam.


Trabalho de flexibilidade

Devido aos exercícios que trabalham muito o sistema muscular do corpo fazendo com que eles se alonguem, é uma consequência do treino funcional trabalhar a flexibilidade. A amplitude dos movimentos se comparados às outras formas de treino são muito maiores e de forma total, isso ajuda todo o corpo a entender seus movimentos e de certa forma, acostumar com eles, o que gera mais agilidade e flexibilidade.

Podendo ser praticado de diversas maneira, treino funcional em dupla ou solo, é uma alternativa para melhorar o condicionamento físico, tonificar os músculos e emagrecer. Para acompanhar todo o seu desenvolvimento e saber o que, realmente, o treino funcional está fazendo pelo seu corpo, as balanças de bioimpedância da Yunmai são perfeitas